Projeto OP está em marcha para limpar e reflorestar matas de Cascais

11
Matas de Cascais | Fotografia: DR CMC

O projeto Orçamento Participativo (OP) 2019 para a “Reflorestação das zonas afetadas pelos incêndios e matas de Cascais” está em marcha por estes dias, no concelho de Cascais.

Proposto por Hugo Moniz, este projeto partiu da necessidade de repor o que os fogos florestais haviam consumido em 2018, a proposta obteve o voto favorável de 2.859 munícipes de Cascais, transformando-o em projeto vencedor, que propõe um investimento de 350 mil euros na reflorestação das zonas afetadas pelos incêndios e matas de Cascais.

Os trabalhos florestais estão em curso na Quinta da Peninha, Abano e Guincho para recuperar as áreas ardidas, através do controlo de vegetação exótica e invasora. Estes trabalhos incluem os terrenos adjacentes à área ardida, nos quais se verifica elevada densidade de vegetação.

Os trabalhos estão a ser conduzidos pelas equipas da empresa municipal Cascais Ambiente que alerta os proprietários de terrenos nestas circunstâncias para entrarem em contacto (através do 800 203 186, de segunda a sexta, das 09h00 às 18h00) a fim de saber se os mesmos se encontram abrangidos pela intervenção em curso, beneficiando, assim, do projeto do Orçamento Participativo (OP) de Cascais.

Fotografia: DR CMC