Mãe solteira desespera por uma casa com condições

21

Uma mãe solteira, de nome Isabel, com 3 filhos menores (de 4, 9 e 16 anos de idade) vive desesperada sem saber o que o futuro lhe reserva, depois de receber uma ordem de despejo.

Apesar da casa (situada em Alcabideche) não ter o mínimo de condições (o teto ruiu e chove dentro de casa), a moradora recebeu uma ordem de despejo, que contestou e ganhou.

No entanto, até ao próximo dia 31 de Janeiro, a moradora terá de sair da casa e alega que não tem para onde ir, pois ganha cerca de 500 euros de subsídio de desemprego e ainda tem de gastar vários euros em medicamentos para um dos filhos, que sofre de asma.

Isabel teme que terá de ir viver para uma tenda, como recentemente aconteceu com um casal, em Carcavelos.

Aos microfones da CMTV, a mãe faz novo apelo à Câmara Municipal de Cascais (CMC), pois até agora nenhuma entidade “se chegou à frente” para resolver esta dramática e triste situação.