A grande missão do GDS Cascais

9
GDS Cascais

O GDS Cascais é um dos melhores e maiores representantes do desporto no concelho de Cascais.
Para conhecer um pouco melhor o clube, o Notícias de Cascais foi entrevistar José
Corrêa de Sampaio, Presidente da coletividade, que nos explicou o que é, e o que
pretende ser o GDS Cascais.

O Grupo Dramático Sportivo de Cascais nasceu a 13 de maio de 1915, devido a um
projeto de um grupo de cascalenses, começou por referir o líder da coletividade.

José Corrêa de Sampaio disse também que o GDS Cascais é um dos clubes mais
antigos de Cascais, passaram por aqui muitos cascalenses e somos um clube eclético
pois nos primeiros tempos o clube até tinha Teatro, daí o nome Dramático.

O Presidente do GDS Cascais explicou ainda que a divisa do clube é arte, sport e bem
e temos várias iniciativas de índole social, como o projeto “Oh Gui” que apresentamos
na edição 100 do nosso jornal.

Ainda sobre o clube Corrêa de Sampaio refere que está a funcionar bem, pois oferece
boas condições aos seus 1200 atletas.

GDS Cascais

Apesar do GDS Cascais ter várias modalidades desportivas, a modalidade mais
representativa é o Râguebi Senior Masculino, que tem tido vários títulos nacionais e
internacionais.

O clube conta no seu palmarés com 6 Campeonatos Nacionais, duas Taças Ibéricas e
duas Taças Nacionais no escalão sénior e vários campeonatos nos escalões de
formação.

Para este ano, o objetivo é ser campeão nacional, depois de ter terminado a competição
do ano passado na 2ª posição da tabela classificativa.

GDS Cascais

Mas o clube não é só Râguebi, pois oferece outras modalidades, como Futebol,
Voleibol Feminino (que está em grande crescimento), Ginástica Acrobática, Hóquei em
Patins, Futsal, Kickboxing e Boxe, mas tudo ao nível da formação, até aos Juniores.

A grande missão do GDS Cascais é oferecer desporto à população e neste momento
está numa fase de mudança (para melhor), pois está equilibrado financeiramente, tem
crescido em número de sócios e atletas e a direção tem procurado modernizar o clube,
torná-lo mais moderno, competente, ambicioso e ter uma oferta de qualidade.

O Desporto não é só atividade física, é competição, disciplina, vontade, conjunto de
valores que queremos difundir, pois é a imagem deste clube, um digno representante do
Desporto em Cascais.

Sobre a expansão do clube para outras modalidades, José Corrêa de Sampaio descarta,
já que o clube tem limitações físicas, não pode ter mais modalidades se não estraga a
qualidade dos jogos, dos treinos; temos de ter uma política desportiva que seja
adequada, com boas condições.

Não é possível ter mais modalidades e temos a pressão de atletas que querem vir para
aqui treinar estas modalidades, o que nos obriga a não crescer mais, completou.

Onde queremos crescer é nas infraestruturas, gostaríamos de ter mais um campo
relvado ou sintético, pois começamos a recusar jovens que querem treinar aqui; é uma
ambição de há bastante tempo, mas também sei que é difícil já que em Cascais não há
espaço e é difícil arranjar um local onde construir essas infraestruturas, mas a Câmara
também está atenta à situação e quer ajudar, arranjando às vezes soluções fora das
nossas portas para fazermos os nossos jogos, refere o líder do clube cascalense,
acrescentando que espero que seja resolvido rapidamente porque Cascais merece ter
instalações de qualidade, condignas, há ainda trabalho a fazer, há muitas possibilidades
em cima da mesa, e assim não temos uma data concreta para termos a conclusão deste
processo.

Em jeito de conclusão, José Corrêa de Sampaio deixa uma palavra aos nossos leitores:
“Os jovens pratiquem desporto, os pais pratiquem desporto, pois temos um concelho
ótimo para a prática desportiva; metam os vossos jovens a praticar desporto, pois faz
bem e ajuda no seu crescimento; Bom Natal!