Assistente do hospital de Cascais abusa sexualmente de doentes

18
assistente do hospital

As doentes estavam internadas no hospital de Cascais e eram abusadas sexualmente por um assistente do hospital.

O predador é um assistente operacional que trabalha naquela unidade de saúde. Escolhia vítimas especialmente vulneráveis, para cometer os crimes.

Este homem aproveitava os momentos em que ia fazer a higiene às vítimas para abusar delas.

Quando o hospital teve conhecimento do caso, abriu um processo disciplinar. O suspeito já foi detido e ficou em prisão preventiva.